Total de visualizações de página

quarta-feira, 20 de abril de 2016

Faça sua farmacinha caseira

Queridas amigas,

Algo que não podemos deixar de ter em casa é uma farmacinha caseira.
As emergências acontecem e nem sempre estamos com dinheiro em casa para pedir um remédio de última hora.
O ideal é que além dos remédios caseiros, possamos contar também com um bom kit de primeiros socorros.
Se você tem crianças pequenas em casa ou convive com algum idoso, mais vale prevenir que remediar. Existem maiores chance de pequenos acidentes ocorrerem inesperadamente.

Confira:



Kit básico para os primeiros socorros:

Termômetro,soro fisiológico, anticépticos, água oxigenada, mercúrio-cromo, sabão neutro, bolsa para água quente ou gelada, gaze esterilizada, fitas adesivas, esparadrapo, curativos tipo band-aid e ataduras de crepe. Anticépticos: pode-se ter no kit os de solução iodada ou semelhantes. Mas não é o mais importante. No caso de um machucado simples, é necessário lavar com água e sabão neutro e só depois aplicar o anticéptico.
Cânfora: pode ser uma boa dica para quem sofre com uma dor muscular leve no final do dia, por causa de tensões ou um mal jeito. Ainda assim, já diriam os comerciais: se persistirem os sintomas, procure um médico.                                                                    
Farmacinha caseira:

Tenha na sua farmácia caseira, remédio para dor de cabeça simples, azia, enjôo, diarréia e ressaca. 
Se você faz uso de remédios de uso contínuo, o ideal é que você sempre os tenha em duplicata, assim você não corre o risco de descontinuar seu tratamento.
É bom também ter uma pomadinha para coceiras, mordidas de mosquitos e um spray para torções. Se você tem crianças pequenas em casa, um vidrinho de arnica é recomendado.


Onde guardar?

O ambiente deve ser seco e com temperatura ambiente. Muitos itens podem estragar se estiverem expostos ao calor excessivo, ao frio ou à umidade. Não a armazene no banheiro, por exemplo. E opte por guardá-los em lugares altos, que as crianças não alcancem.
E não se esqueça! Tenha sempre em mãos números de telefones para o caso de emergências: do seu médico, do hospital mais próximo e de algum amigo ou parente que possa te ajudar.


Mantendo a farmacinha em dia:

Prazo de validade: fique sempre atento às datas nos medicamentos, pomadas e comprimidos. Cheque periodicamente e não use, em hipótese nenhuma,remédio com o prazo de validade vencido.  
Reponha sempre o que for acabando para não ter surpresas de última hora.
Guarde sempre as bulas dentro das embalagens usadas. Isto facilitará na hora que voltar a usar o mesmo medicamento.
Verifique se o termômetro está intacto ou se algum remédio foi guardado destampado. Em caso afirmativo, jogue a medicação fora.
Mantenha a caixa ou recipiente da farmacinha sempre limpo e as embalagens dos medicamentos intactas.
 Lembre-se que o motivo da existência da sua farmacinha é a sua saúde e a dos seus familiares e nunca é demais insistir:

 NÃO SE AUTOMEDIQUE!!!!

Palavra da KIKI

Nenhum comentário:

Postar um comentário